Aqui você poderá ver uma variedade de projetos, de trilhas à arte sonora, de blocos de carnaval à mapas de pianos, da música popular à música experimental.
Ver mais
Sou musicista, cantora e trabalho com música e tecnologia.
Olá, eu sou a Alessa e este é meu portfólio online.
Formada em Comunicação Social pela PUC-SP (2006) e em Música Popular na Faculdade Santa Marcelina (2011), tem pós graduação em Canção Popular (2012) também pela Santa Marcelina. Concluiu seu mestrado em Studio Composition na Goldsmiths, University of London na Inglaterra (2014). Se apresenta na cena musical paulistana desde 2004 onde cantou, tocou e arranjou para bandas como Estatuto da Gafieira, Funkalleros e Ale Soda Pop. Foi idealizadora do projeto Alessa, a Cidade e os Pianos, blog musical que dedica-se a mapear os pianos da cidade de São Paulo. É idealizadora, vocalista e diretora musical do Bloco Ritaleena, cordão carnavalesco de São Paulo que homenageia a cantora Rita Lee. É editora e colunista da revista de cultura eletroacústica linda do coletivo NME (Nova Música Eletroacústica). Além de seu trabalho em performance, atualmente pesquisa as áreas de música e tecnologia.
Voltar

A linda é uma revista online dedicada a cultura eletroacústica. Ela foi criada pelo coletivo de música experimental NME e atualmente está em seu quarto ano. É um espaço dedicado a receber textos de artistas novos que tenham a tecnologia como parte de sua prática. Entrevistas, crônicas, resenhas, poemas sonoros, a linda é livre de formato pré definido. Ela propõe um diálogo entre as várias comunidades de arte experimental espalhadas pelo Brasil assim como no exterior. Além de estabelecer relações interdisciplinares entre as artes, visuais ou sonoras. Atualmente eu e a compositora Flora Holderbaum, além de contribuírmos com nossos textos, somos responsáveis pela editoração da publicação. Trabalho que anteriormente foi feito pelos músicos e compositores Tiago de Mello e em seguida Sergio Abdalla.

Leia a materia completa.

O Bloco Ritaleena estreiou em 2015 com o objetivo de homenagear não só a cidade de São Paulo, cujo carnaval renasce e cresce a cada ano, mas a artista e mulher que é RITA LEE.

A busca de uma identidade para o carnaval paulistano nos leva a revisitar ícones da cultura local, e, na figura de Rita Lee, temos não somente uma artista genuinamente paulistana, como também uma figura pública que se dedica, em sua obra e sua vida, ao empoderamento das mulheres e dialoga diretamente com questões do dia a dia do cidadão comum, além de representar a cidade no cenário musical desde sempre.

A cada ano, o bloco leva as ruas versões carnavalescas de hits como “Doce Vampiro”, “Ovelha Negra” e “Lança Perfume”. O cortejo acontece em São Paulo na rua dos Pinheiros.

O Bloco Ritaleena é idealizado e produzido por Alessa e Yumi Sakate. Tem direção musical e arranjos de Alessa e direção de arte, cenário e figurino de Yumi Sakate.

A banda é composta por Alessa, vocalista principal; Yumi Sakate e Cauê Benetti, backing vocal; Abuhl Jr. na bateria; Carol Oliveira, Maurício Badé e Ilker Ezaki nas percussões, Marcelo D’Angelo na guitarra; Fernando Henna no teclado; Aimê Uehara no baixo.

2017

Para 2017, o Ritaleena vem plugado no tema “jardim elétrico” e promete desfilar novas sonoridades que misturam percussão e beats em seus arranjos. Embalados na fluorescência da natureza, os novos figurinos visitarão as personagens mais lisérgicas das canções de Rita Lee.

Após dois anos saindo em Pinheiros apenas no pré-carnaval, o bloco finalmente toma as ruas no período de carnaval e sairá pela primeira vez no bairro da Vila Mariana. A estimativa é de que pelo menos 80 mil foliões tenham visto o Bloco Ritaleena em seus sete shows da temporada Carnaval 2017.

 

 

Alessa

a Cidade e

os Pianos

Olá, este é o blog do projeto “Alessa, a Cidade e os Pianos” feito em 2012.  Cada piano uma história para contar, num processo de redescobrir pelo olhar do instrumento, a cidade onde se vive. Documentado em vídeo, texto, fotografia e canção.

 

Venha ver o blog

Agenda

03

agosto

Evento de tit curto

Aqui fica o resumo. Acho importante colocar informações importantes de fácil acesso do tipo.
SESC neverland – Rua dos bobos, nº 0, cep 00000-000, bairro inexistente, Neverland
preço: 20,000 yen.

07

dezembro

teste de evento novo

http://www.facebook.com

Seu nome *

Seu e-mail * (obrigatório)

Assunto

Sua mensagem